Sintep sinaliza continuidade da greve; Assembleia ocorre na segunda-feira

Foto: Google

Após um mês em greve, os profissionais da Educação em Mato Grosso não pretendem retornar ao trabalho. Pelo menos este é o indicativo da direção do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep) para à Assembleia Geral da categoria marcada para a próxima segunda-feira (4) às 14 horas em Cuiabá.


Segundo o presidente do Sintep, Henrique Lopes, o governo ainda não atendeu as três reivindicações da categoria. “O indicativo da diretoria é que a greve continue porque o governo não sinalizou atender nenhuma das nossas reivindicações. O pagamento integral da RGA que era a principal, o governo de maneira arbitrária vai pagar como bem entender”, disse o sindicalista.

Outra reivindicação é sobre a polêmica do projeto de Parceria Público-Privada (PPP). O Sintep alega que o governo disse que suspenderia o processo, mas até agora nada foi feito. ”Solicitamos a suspensão das Parcerias Público-Privada, as famosas PPPs. Mas o governo só falou de boca que vai suspender, mas não tomou nenhuma medida. Falar é fácil, mas queremos ação”, afirmou.

O governo informou no último dia 24 de junho que suspenderia parcialmente o projeto de Parceria Público-Privada (PPP), que previa a contratação de serviços e gestão privados.

Outra cobrança é a realização do concurso público para a educação. “O concurso público é algo que o Ministério Público já exige do governo e o governador ignora. Estão lançando concurso público para todos os cargos, menos para a educação. Qual a explicação? A educação não é prioridade?”, questiona Henrique Lopes.


Greve Legal

O desembargador Juvenal Pereira Silva, do Tribunal Pleno, rejeitou, na última terça-feira (28), o pedido de liminar impetrado pelo Governo do Estado para que seja declarada a ilegalidade da greve do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT), com a determinação de retorno imediato ao trabalho.

"Inicio a análise da presente pretensão com um pensamento que me acompanha há longa data: Aquele que não luta pelo seu direito, não e digno dele'.", afirmou o desembargador.


Os servidores da Educação estão de greve desde o dia 31 e sem previsão para suspensão enquanto não houver acordo com o Governo do Estado. Apesar de se aliarem à greve pelo pagamento da Revisão Geral Anual (RGA), a pauta dos servidores da Educação inclui outros objetivos próprios.

Fonte: Hiper Notícias
Sintep sinaliza continuidade da greve; Assembleia ocorre na segunda-feira Sintep sinaliza continuidade da greve; Assembleia ocorre na segunda-feira Reviewed by Max Aurelio on 14:47 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.