Padrasto e mãe são presos suspeitos de estupro de vulnerável em MT


Um homem de 36 anos foi preso em Rondonópolis, a 2018 km de Cuiabá, na manhã de quinta-feira (28), suspeito de estupro de vulnerável da enteada. A menina, de 12 anos, estaria sendo abusada desde os 9 anos. A mãe, segundo a Polícia Civil, mesmo ciente dos crimes nunca denunciou os abusos. O casal foi preso de forma temporária na casa em que mora, no bairro Pedra 90.

A avó da menina procurou a Delegacia Especializada de Defesa da Mulher nesta semana para denunciar o caso. Exames periciais confirmaram os abusos e a conjunção carnal.

Ouvida pela polícia, a menor de idade contou que era estuprada há anos pelo padrasto. Segundo o relato, o padrasto e a mãe da garota saíam de casa para trabalhar. Depois, ele voltava para a residência e cometia os crimes quando os dois estavam sozinhos na residência.
E, com o passar do tempo e a continuidade dos abusos, a mãe e os irmãos da menor ficaram sabendo dos estupros. Conforme a Polícia Civil, a menor tinha que dormir num quarto sem portas para facilitar a ação do criminoso. O padrasto era ainda muito ciumento, segundo a delegacia.

Em 2014, a adolescente chegou a relatar os abusos a uma amiga de escola, que contou para uma professora, que por sua vez acionou o Conselho Tutelar. A Polícia Civil disse que, na época, ainda não havia ocorrido a conjunção carnal e a menor também negou a ocorrência dos crimes - possivelmente pressionada pela mãe.
O casal deverá ser indiciado por estupro de vulnerável. A prisão temporária tem o prazo de 30 dias. Mas, conforme as apurações, poderá ser convertida em prisão preventiva - sem prazo determinado.

Do G1 MT

Padrasto e mãe são presos suspeitos de estupro de vulnerável em MT Padrasto e mãe são presos suspeitos de estupro de vulnerável em MT Reviewed by Max Aurelio on 14:21 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.